Índice:

Kanban X Scrum: qual devo utilizar no meu projeto?

Índice:

Kanban X Scrum, qual o melhor para o meu projeto?

Se você gosta de gestão ágil, com certeza já caiu nessa questão. Mas afinal de contas, qual devo usar para gerenciar meu projeto? E qual deles vai se adequar melhor a realidade da minha equipe?

Bom, nesse artigo vamos ver algumas comparações entre os dois, para entender melhor as características de cada um. E no final, você poderá avaliar com mais clareza, qual deles é melhor para o seu projeto.

Kanban: Uma breve visão

O método Kanban, foi inspirado no sistema de produção Just In Time (no momento certo). A ideia é que as tarefas sejam executadas em etapas, e sob demanda. Para utilizar os recursos de forma inteligente, sem desperdício e mantendo o fluxo de trabalho em funcionamento constante.

A partir dessa ideia, foi concebido o método Kanban e seus princípios. Ele, se tornou uma ferramenta importante, e que pode ser utilizado não só como uma metodologia de desenvolvimento de software, mas também como um gerenciador do seu fluxo de trabalho.

O Kanban, assim como outras metodologias ágeis, é um processo evolucionário. Por isso, você pode começar com uma implementação simples e evoluir isso com o tempo.

Se tiver mais interesse em Kanban, dá uma olhada nesse artigo!

Scrum: Entendendo como funciona

O scrum é um framework ágil, que pode ajudar muito na organização do seu projeto e também da sua equipe. O nome scrum veio de uma famosa jogada de Rugby, onde basicamente o time todo se une para conseguir marcar o ponto.

Por esse motivo, o scrum não é apenas uma boa ferramenta para o seu projeto, ele pode ajudar também, a melhorar o processo para a equipe como um todo.

O scrum possui 3 pilares, transparência, inspeção e adaptação. Ele considera todo o time de desenvolvimento, stackholders e cliente, e com isso pode gerar um engajamento maior dos envolvidos no projeto.

Além disso, ele também é um processo evolucionário, que pode ser melhorado com o tempo e se adequar ao que sua equipe precisa. 

Se você quer entender melhor sobre o Scrum, dá uma olhada nesse artigo!

Kanban X Scrum: Principais diferenças

Agora que já falamos resumidamente de cada um, vamos falar do Kanban X Scrum e entender as principais diferenças entre eles.

Kanban

  • Fluxo puxado: As atividades são adicionadas na “esteira de produção”, conforme a demanda do time.
  • Visualização do trabalho em andamento: O board auxilia muito o gestor do projeto, a ter uma ideia do status do projeto e por isso, na tomada de decisões também.
  • Terminar mais tarefas ao invés de começar novas: Por ter um fluxo puxado, no Kanban sempre prezamos em finalizar atividades em andamento. 
  • Limitação de WIP (Work In Progress): Limitar a quantidade de trabalho em andamento no board, ajuda o time a focar mais na entrega. E limitar o WIP por coluna do board, ajuda a evitar GAPs nas fases do projeto. 
  • Maior adaptabilidade em projetos de manutenção: Pelo trabalho ser passado ao time, com o princípio “on demand“, fica mais fácil encaixar demandas de última hora no fluxo. Como bugs por exemplo.

Scrum

  • Fluxo empurrado: Normalmente através do ritual de Planning Poker, o time define quantas atividade vai entregar no período da Sprint. 
  • Papéis definidos: Apesar de ser uma framework adaptável, o scrum exige papéis que são fundamentais para ele funcionar. 
  • Eventos determinados: O scrum possui eventos definidos, que podem ter sua cadência adequada as necessidades da equipe. E todos eles com um timebox recomendado.
  • Maior dificuldade com projetos de manutenção: Apesar de ser sim possível executar um projeto de manutenção com o scrum, ele é um pouco mais complicado. Isso devido ao controle de atividades da sprint, onde o time define previamente o que vai entregar. E quando surge um bug de última hora, é preciso encaixá-lo, podendo tirar uma tarefa que estava planejada.

Mas afinal, qual devo utilizar?

Isso tudo depende do que sue projeto precisa e de como seu time funciona. Eu recomendo utilizar scrum em projetos que estão começando, e depois o Kanban quando o projeto entrar em fase de manutenção. No entanto os dois funcionam nos dois cenários. 

Kanban

Se você deseja metrificar suas entregas por exemplo e ter maior previsibilidade, o Kanban pode funcionar muito bem. Afinal você não vai se basear em estimativas, mas em um histórico do que o time já entregou.

Algumas métricas como Lead Time e Througput, são simples de controlar com o uso do Kanban e também fáceis de entender. Se quiser saber mais do assunto, leia esse artigo: Como medir os resultados do Kanban?

Scrum

Já o scrum é muito bom para ajudar a organizar a “casa”. Equipes que estão com dificuldades de priorizar suas atividades, e não tem muita regularidade nas reuniões de projeto, podem se beneficiar muito do uso scrum. 

Fazer o planejamento do que será entregue, revisar o trabalho que foi feito. E fazer uma retrospectiva de como a equipe está trabalhando, são alguns dos eventos do scrum que podem ajudar nisso.

E claro, temos o melhor dos dois mundos o Scrumban, que reúne os rituais do scrum e modelo de gerenciamento do Kanban. É uma excelente forma de trabalho, que pode auxiliar você e seu time.

No artigo de Scrum no dia a dia, eu falo um pouco sobre o uso do Kanban em conjunto, e algumas outras dicas que podem ajudar na implementação do scrum.

Extras

Para finalizar, tem também esse vídeo onde falo um pouco sobre Kanban X Scrum.

https://www.youtube.com/watch?v=NVNMzBrVQiA

Espero que tenham gostado do artigo e que ele possa auxiliar você e seu time no momento de fazer essa escolha. Se tiver alguma dúvida, deixe nos comentários. Até a próxima!

Publicado por:
Compartilhe:

Posts relacionados

What is Lorem Ipsum? Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry’s standard dummy text ever since the 1500s, when an

métrica developer experience

Entender e otimizar a developer experience é crucial para o sucesso de qualquer projeto de software. Uma experiência positiva pode impulsionar a produtividade e a satisfação da equipe, elementos chave

developer experience

A developer experience, ou DX, é um conceito cada vez mais importante no cenário de desenvolvimento de software. Mas por que a experiência do desenvolvedor é tão importante? Como ela