Índice:

Throughput no scrum: como medir e otimizar a eficiência da equipe

Índice:

O throughput no Scrum é uma métrica importante para avaliar a eficiência e produtividade das equipes de desenvolvimento de software. Ele indica a quantidade de trabalho concluído em um determinado período, auxiliando na identificação de possíveis gargalos e oportunidades de melhoria.

O que é Throughput?

O throughput é uma métrica que mede a quantidade de trabalho concluído por uma equipe em um determinado período de tempo. No contexto do Scrum, o throughput ajuda a avaliar a eficiência e a produtividade das equipes de desenvolvimento de software.

Diferença entre throughput e outras métricas ágeis

Embora o throughput seja uma métrica importante para avaliar a eficiência das equipes ágeis, ele não deve ser confundido com outras métricas ágeis, como velocidade, lead time e cycle time. A velocidade é uma medida da quantidade de trabalho concluído em um sprint e é geralmente expressa em pontos de história. Já o lead time mede o tempo entre a solicitação de um item de trabalho e sua conclusão, enquanto o cycle time mede o tempo gasto na execução de um item de trabalho.

A principal diferença entre o throughput e essas outras métricas é que o throughput se concentra na quantidade de trabalho concluído, independentemente do tempo gasto. Isso torna o throughput uma métrica útil para avaliar a produtividade geral da equipe e identificar oportunidades de melhoria no processo de desenvolvimento.

Exemplos de throughput no contexto de Scrum

Para ilustrar a aplicação do throughput no Scrum, considere o seguinte exemplo: uma equipe ágil concluiu 10 histórias de usuários durante um sprint de duas semanas. O throughput dessa equipe durante o sprint é de 10 itens de trabalho. Ao analisar o throughput ao longo de vários sprints, a equipe pode identificar tendências e padrões de desempenho, o que pode levar a insights valiosos sobre áreas de melhoria e gargalos no processo de desenvolvimento.

É importante lembrar que, embora o throughput seja uma métrica útil para avaliar a eficiência da equipe, ele não deve ser usado isoladamente. Outras métricas, como a velocidade e o lead time, também devem ser levadas em consideração para obter uma visão mais completa do desempenho da equipe e identificar oportunidades de melhoria.

Como medir o Throughput no Scrum

Medir o throughput no Scrum é uma etapa importante para avaliar a performance da equipe e identificar oportunidades de melhoria.

Passo a passo para calcular o throughput

  1. Identifique o período de tempo para a análise do throughput, como uma semana ou um sprint.
  2. Contabilize o número total de itens de trabalho concluídos neste período, incluindo tarefas, histórias de usuários e bugs resolvidos.
  3. Divida o número total de itens concluídos pelo período de tempo em questão. O resultado será o throughput da equipe.

Exemplo prático

Suponha que uma equipe trabalhe com sprints de duas semanas e, ao final de uma sprint, tenha concluído 12 histórias de usuários. Neste caso, o throughput da equipe será de 12 histórias de usuários por sprint. Outro exemplo seria uma equipe que, ao longo de uma semana, concluiu 5 tarefas e resolveu 2 bugs. Neste caso, o throughput semanal seria de 7 itens de trabalho concluídos.

Dicas para melhorar a precisão da métrica throughput

  • Garanta que todos os membros da equipe registrem de forma consistente e precisa o progresso das tarefas no sistema de rastreamento de projetos, como Jira ou Trello.
  • Defina claramente os critérios de conclusão de cada item de trabalho para evitar ambiguidades e garantir que todos os membros da equipe sigam os mesmos padrões.
  • Avalie regularmente o throughput da equipe e compare-o com as estimativas iniciais, ajustando o planejamento e a alocação de recursos conforme necessário.

Boas práticas de análise e leitura de Throughput

Adotar boas práticas de análise e leitura de throughput é essencial para otimizar a eficiência e produtividade. Algumas das práticas que acredito essenciais:

Possuir classes de serviço segmentadas

As classes de serviço segmentadas ajudam a categorizar e priorizar diferentes tipos de trabalho, permitindo que a equipe se concentre nas tarefas mais importantes e gerencie melhor sua carga de trabalho. Isso pode levar a um aumento no throughput, pois a equipe pode concluir as tarefas de maior prioridade com mais rapidez e eficiência.

Padronização do tamanho das atividades

Padronizar o tamanho das atividades é outra prática importante para melhorar a análise do throughput. Ao dividir as tarefas em unidades de trabalho semelhantes em tamanho e complexidade, a equipe pode estimar com mais precisão o tempo necessário para concluir cada tarefa e identificar áreas de melhoria no processo de desenvolvimento. Isso pode resultar em um aumento no throughput, pois a equipe pode trabalhar de forma mais eficiente e previsível.

Possuir tipos de demandas segmentadas

Ter tipos de demandas segmentadas permite que a equipe entenda melhor as diferentes necessidades e prioridades dos projetos. Isso facilita a alocação de recursos e o gerenciamento de projetos, pois a equipe pode se concentrar nas demandas mais críticas e trabalhar para melhorar seu throughput nessas áreas. Além disso, a segmentação de demandas também pode ajudar a identificar gargalos e oportunidades de melhoria no processo de desenvolvimento.

Otimizando a eficiência da equipe com Throughput

Ao entender o conceito de throughput e sua importância no gerenciamento ágil de projetos, é fundamental buscar maneiras de otimizar a eficiência da equipe por meio desta métrica.

Boas Práticas para otimizar o Throughput

  • Implemente um sistema de priorização de tarefas, garantindo que a equipe esteja sempre trabalhando nos itens de maior valor e impacto para o projeto.
  • Estabeleça metas claras e objetivas para o throughput, incentivando a equipe a buscar constantemente a melhoria da performance.
  • Implemente práticas de melhoria contínua, como retrospectivas e revisões de sprint, incentivando a equipe a compartilhar feedbacks e propor ações de melhoria.

Como a Kodus pode melhorar o throughput e a eficiência da sua equipe

A plataforma Kodus oferece uma para equipes de desenvolvimento de software que buscam melhorar o throughput. Com a ajuda de um assistente de AI, a Kodus integra-se as ferramentas do seu dia a dia para simplificar o gerenciamento de projetos e aumentar a previsibilidade na entrega de software.

A Kodus analisa o desempenho da sua equipe e oferece sugestões acionáveis para melhorar o throughput e a eficiência. Ao utilizar as informações disponíveis a partir das integrações com as ferramentas que você já utiliza no workflow de desenvolvento, nossa assistente de AI identifica áreas de melhoria e fornece recomendações para otimizar os processos da equipe.

Além disso, a Kodus oferece relatórios de progresso semanais e insights de fluxo de trabalho, permitindo que as equipes monitorem e analisem o throughput de forma contínua e ajustem seus processos conforme necessário.

Benefícios de usar Kodus para gerenciar projetos ágeis

Ao utilizar a Kodus, equipes e gestores podem contar com diversos benefícios e vantagens, tais como:

  • Melhoria na comunicação e alinhamento entre os membros da equipe e os stakeholders
  • Otimização do ciclo de desenvolvimento e promoção de boas práticas
  • Sugestões práticas e acionáveis para aprimorar o processo de entrega de software
  • Relatórios semanais de progresso, insights sobre o fluxo de trabalho e descrições de problemas otimizadas.

Conclusão

Ao longo deste artigo, abordei diversos aspectos relacionados ao throughput no Scrum, incluindo seu conceito, a importância das métricas ágeis, como medir e otimizar o throughput.

Medir e otimizar o throughput no Scrum é fundamental para garantir a eficiência da equipe e a entrega de produtos de alta qualidade. Ao aplicar as informações e dicas apresentadas neste conteúdo, é possível melhorar continuamente o desempenho do time e otimizar os processos de desenvolvimento de software.

Agora convido você a experimentar a Kodus e descobrir como podemos te ajudar  a melhorar a eficiência de sua equipe. Acesse aqui para saber mais.

Publicado por:
Compartilhe:

Posts relacionados

métrica developer experience

Entender e otimizar a developer experience é crucial para o sucesso de qualquer projeto de software. Uma experiência positiva pode impulsionar a produtividade e a satisfação da equipe, elementos chave

developer experience

A developer experience, ou DX, é um conceito cada vez mais importante no cenário de desenvolvimento de software. Mas por que a experiência do desenvolvedor é tão importante? Como ela

estimativa de software

Estimar software vai muito além de apenas chutar prazos. É sobre sincronizar de forma inteligente os esforços de desenvolvimento, garantindo que cada recurso seja usado onde realmente importa. Pensando nisso,